ATIVIDADES DE TRABALHO E SAÚDE DOS TRABALHADORES DA SEMAS/VITÓRIA

Resumo: As condições, contextos e organização de trabalho produzem efeitos importantes nas dinâmicas psíquicas dos trabalhadores, podendo acarretar no processo de adoecimento do indivíduo. Em contrapartida, o desempenho dos trabalhadores, e consequentemente a qualidade do produto final produzido, é afetado pelas condições de saúde deles. Nas atividades em setores de serviço, onde há incomensurabilidade da produção, intangibilidade do produzir e aproximação imediata entre cliente e trabalhador, as relações entre trabalho e processos psicológicos são ainda mais evidentes. Este é o caso de trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) que, no atendimento diário de centenas de pessoas em situação de vulnerabilidade, percebem nitidamente os dilemas do “trabalhar”. Lidando com o sofrimento de outros, esses trabalhadores muitas vezes não conseguem obter, no próprio local de trabalho, resolução satisfatória para seu próprio sofrimento. Além disso, muitas vezes percebem as condições e organização do trabalho mais como peso que como instrumento para auxiliar na resolução de suas tarefas cotidianas. Dados de pesquisa recente, realizada no Espírito Santo com uma das categorias profissionais desse sistema (SUAS) indica que esse parece ser esse o caso dos de muitos trabalhadores do SUAS. Por corolário, supõe-se que muitos trabalhadores que executam diariamente suas atividades de trabalho na Secretaria Municipal de Assistência Social da Prefeitura Municipal de Vitória (SEMAS/PMV) o estão fazendo em meio a processos de adoecimento físico e mental. Visando investigar esses processos de saúde-doença entre os trabalhadores da proteção social básica e proteção social especial de média complexidade da SEMAS/PMV, bem como fornecer ferramentas teórico-metodológicas para o desenvolvimento de ações que contribuam, se necessário, para melhorar as condições de saúde dos trabalhadores, além de oferecer intervenções pontuais nesse sentido é que se propõe a presente pesquisa-intervenção. Esse projeto de extensão visa auxiliar a equipe gestora da SEMAS/PMV na proposição de atividades que auxiliem na redução do sofrimento dos trabalhadores em relação à atividade profissional e, consequentemente, na oferta de melhores serviços à comunidade.

Data de início: 2017-08-01
Prazo (meses): 25

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Thiago Drumond Moraes
Vice-Coordenador Iasmin Libalde Nascimento
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910