A atuação do psicólogo em serviço de Atenção Primária à Saúde: efeitos negativos do trabalho na saúde do trabalhador

Resumo: Este estudo objetivou conhecer e caracterizar o trabalho do psicólogo na atenção primária à saúde e seus efeitos na saúde desses profissionais. Participaram da pesquisa 32 psicólogos que atuam em serviços públicos de atenção à saúde no estado do Espírito Santo. Os participantes responderam a um questionário online composto pelos seguintes instrumentos: JCQ, WHOQOL-bref, SRQ-20; e questões sociodemográficas. Os resultados indicam que o trabalho do psicólogo nesses espaços caracteriza-se enquanto trabalho ativo, no entanto observou-se um nível elevado de adoecimento mental e baixa qualidade de vida dentre os participantes. Além disso destacou-se, na saúde mental dos trabalhadores, uma maior influência da demanda psicológica do trabalho do que do controle. A dimensão controle parece não contribuir positivamente para a saúde dos trabalhadores como previsto no modelo teórico. Por fim, indicam-se estratégias para melhoria do trabalho, com foco na demanda psicológica.

Data de início: 2014-03-01
Prazo (meses): 30

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado Lucas Có Barros Duarte
Coordenador Thiago Drumond Moraes
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910