Avaliação de atenção e de memória em crianças com Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade

Resumo: Pretende-se investigar procedimentos tradicionais e eletrônicos para avaliação de atenção e memória em crianças com TDAH, comparando o desempenho dessas ao de crianças com desenvolvimento típico. Considerando que a prevalência estimada do TDAH é de 5% entre crianças, que o transtorno acarreta diversos prejuízos ao desenvolvimento e que não existem procedimentos padronizados para avaliação e intervenção com pessoas com TDAH, mostra-se relevante a realização de investigações que se situem em torno dessas temáticas. Assim, participarão 20 crianças divididas em dois grupos: G1 10 crianças entre 8 anos e 9 anos com diagnóstico de TDAH; G2 10 crianças entre 8 anos e 9 anos com desenvolvimento típico. Também participarão 1 responsável por cada criança, além de um professor. Para coleta de dados serão utilizados os seguintes instrumentos: 1) Escala de Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade; 2) Entrevista com os pais; 3) Attentus - instrumento eletrônico para avaliação da atenção nas crianças; 4) Bateria Psicológica para Avaliação da Atenção (BPA); 5) Genius - jogo eletrônico para avaliação da memória nas crianças; 6) Escala Wechsler de Inteligência para Crianças IV - aplicação dos subtestes de memória operacional Dígitos, Sequência de Números e Letras e Aritmética. Os dados provenientes da escala e dos testes serão analisados conforme orientações de seus manuais, a entrevista com os pais será analisada de acordo com categorias criadas posteriormente baseadas no método clínico piagetiano, o desempenho das crianças no Attentus e no Genius será analisado de acordo com os processos que empregam para resolução das tarefas, seguindo também proposta de compreensão do desenvolvimento do método clínico piagetiano. Os dados serão analisados dentro de cada grupo e também será realizada uma comparação entre os dois grupos. Espera-se que essa pesquisa contribua com indicadores para consolidação dos instrumentos eletrônicos como meio importante para avaliação do desenvolvimento, para sustentação da necessidade de realização de avaliação processual e não apenas de resultados, para melhor compreensão sobre o funcionamento dos componentes de atenção e memória em crianças com TDAH.

Data de início: 2016-08-01
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Claudia Patrocinio Pedroza Canal
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910