Jovens pais no contexto dos serviços de saúde

Resumo: Considerando a importância que a gravidez na adolescência assumiu nas últimas décadas, pesquisas que focalizam a paternidade na adolescência ainda são pouco frequentes, mas vêm fornecendo informações relevantes sobre o cotidiano e a experiência dos jovens pais, ressaltando a importância de políticas públicas de apoio.
A invisibilidade do pai nas políticas públicas para a saúde reprodutiva perpetua a representação da reprodução como responsabilidade feminina, também entre os profissionais da saúde. A preocupação com essa situação, principalmente no que diz respeito ao pai adolescente, norteou os objetivos desta pesquisa, que pretende investigar, no contexto dos programas/serviços que atendem adolescentes grávidas na região da Grande Vitória: as diretrizes documentais que os orientam; a concepção de seus profissionais sobre o pai adolescente; e as demandas de pais/companheiros de jovens grávidas ali atendidas. Os documentos serão analisados através do software Alceste. Os pais e os profissionais serão entrevistados com base em roteiros semi-estruturados específicos para cada grupo e os dados serão organizados por análise temática.

Data de início: 2010-08-01
Prazo (meses): 12

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Eduardo Coelho Ceotto
Coordenador Zeidi Araujo Trindade
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910